Felipe Ricardo
Escreva subtítulo aqui

Felipe Ricardo Pereira e Silva niciou seus estudos musicais no Conservatório Carlos Gomes no ano de 2007 aos 14 anos de idade, participando das classes dos professores Thiago Levi e Alexandre Pinheiro. Em 2013 concluiu o Curso Técnico em Saxofone do Conservatório Carlos Gomes na classe do professor Alexandre Pinheiro e em 2014 concluiu o curso de Bacharelado em Música com Habilitação em Saxofone da Universidade do Estado do Pará na classe do renomado professor Dilson Florêncio, recebendo o título de Bacharel em Saxofone.

Participou de diversos festivais de música como o "Festival de Música Brasileira, em Belém, "Festival Internacional de Música do Pará", "Festival de Música Popular Paraense" e "Encontro de Arte de Belém". Em 2011 participou do "Curso Internacional de Verão" em Brasília, no qual teve aulas de improvisação com Ted Falcon. No mesmo ano participou do workshop "A magia e a mecânica do jazz" com Eli Yamin. Em 2014 participou do "Encontro Internacional de saxofonistas do Conservatório de Tatuí e do "Congresso ALASAX", que reúne saxofonistas renomados de toda América Latina. Em 2015 participou do "VII Encuentro Internacional de Percusión" em Lima, Peru com o grupo Tacap ministrando concertos e masterclasses sobre ritmos amazônicos.

Como intérprete integrou grupos como o Quarteto de Saxofone "Ver-o-sax", "Quarteto de saxofone dos professores" da Fundação Carlos Gomes, "Trio Raízes", "Orquestra Brasileira de Belém" atuando também como solista e tendo realizado a gravação do CD e "Banda Sinfônica da Fundação Carlos Gomes".

Hoje é musicista da Fundação Carlos Gomes dando aulas para alunos do curso de Bacharelado em Música com Habilitação em Saxofone, é o fundador e regente da big band "Ver-o-Jazz Band" (antiga Baby Band) da Fundação Carlos Gomes, integra o Quinteto de Saxofone dos Professores da Fundação Carlos Gomes, integra o grupo "Latin Jazz" atuando como solista e coordenador artístico, é coordenador do "Cabloco Muderno", atua como integrante e coordenador do Quarteto K-ximbinho, integra o grupo TACAP, além de ser convidado para tocar com artistas locais nos mais diferentes estilos, mostrando assim sua versatilidade artística.