Saxofone, pedais e processadores de efeitos digitais (introdução)

Pedais de efeito e instrumentos de soproO saxofone é um instrumento musical que oferece muitas possibilidades técnicas e nuances sonoras, sem necessariamente precisar de auxílio externo para tal. Isso quer dizer que, se o saxofonista se dedica verdadeiramente ao estudo do instrumento e com um bom acompanhamento durante seu desenvolvimento prático, consegue extrair sonoridades diversificadas somente com as peças disponíveis no próprio saxofone, como: boquilha, palheta, braçadeira, tudel, corpo do instrumento e chaves. Porém, com a evolução tecnológica, muitos músicos passaram a aderir a novas formas de expressão sonora. Um exemplo disso são os guitarristas, que, através da utilização de efeitos analógicos ou digitais (pedais e processadores), alcançam novos horizontes, extraindo assim sonoridades além dos "limites" de timbre oferecidos pela guitarra em estado natural (som flat).

Muitos saxofonistas ao longo dos anos também têm aderido à utilização de pedais e processadores de efeitos em seus solos. Dois dos que mais utilizaram e difundiram esses recursos no universo do saxofone foram os grandiosos Michael Brecker e Eddie Harris. Veja a seguir alguns vídeos desses dois saxofonistas fenomenais utilizando essa tecnologia em seus solos:

Deixo claro que este texto é apenas uma breve introdução a respeito da utilização de pedais e processadores digitais aplicados ao saxofone e esse assunto será mais ampliado em outras matérias.

Obs.: Estou gravando alguns vídeos onde são demonstrados diversos efeitos de pedais e processadores utilizados no saxofone, e em breve publicarei no Youtube e aqui no site.

Tópico: Saxofone, pedais e processadores de efeitos digitais

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário

Newsletter

Assine a nossa newsletter: