Seja bem-vindo(a) ao site de Junior Castro Parente!

Aqui, você poderá encontrar diversas notícias a respeito da música amazônica, música brasileira, curiosidades musicais etc. Além disso, você terá acesso a artigos, textos de pesquisadores que colaboram com o site e poderá conhecer um pouco mais do meu trabalho como instrumentista e produtor musical.

Notícias aos visitantes

Trabalhos no cenário musical amazônico:

No ano de 2008, participou do  FECAN Trombetas - Festival da Canção de Trombetas – Oriximiná como saxofonista na banda base;

Nos anos de 2009 e 2010, integrou a banda base do Circuito Universitário de Santarém;

Em 2010, fez parte da banda base do Festival de Música do SESI - Santarém, como saxofonista, flautista e gaitista;

Participou em 2011 do encerramento da última noite do FEMPO - Festival de Música Popular Oriximinaense, com o violonista argentino Sergio Abalos e o percussionista Silvan Galvão;

Em 2011, foi integrante da banda base do FECANJ - Festival da Canção de JurutI, onde atuou como saxofonista, gaitista e flautista;

Ainda em 2011, participou do espetáculo Cantata de Natal - “O Fantástico Natal dos Brinquedos” (Santarém – Pará);

Foi o saxofonista e flautista do Festribal Juruti (Tribo Muirapinima) 2012;

Em 2012 fez parte da banda base do 11° Servifest Santarém (Festival de Música do Servidor Público);

Também no ano de 2012 integrou a banda base do 11° FECAN Santarém, onde tocou saxofone e flauta transversal;

No mês de junho de 2013, fez parte da banda base do 12° Servifest (Festival de Música do Servidor Público) etapa Santarém;

Em 2014, foi integrante da banda base do 13° Servifest (Festival de Música do Servidor Público) etapa Santarém;

No ano de 2014, participou com os músicos Andreson Dourado, Edmarcio Paixão e Silvan Galvão do I TAPAJAZZ – Festival de Música Instrumental do Tapajós;

Novamente, no ano de 2014, participou da gravação do DVD intitulado "Segredos Amazônicos", do percussionista paraense Silvan Galvão;

Em 2015, Junior Castro foi convidado pelo guitarrista Edmarcio Paixão para participar da gravação de seu DVD, intitulado “Ensaio Verde”;

Apresentação de um show em homenagem à minha mãe e à música da selva amazônica, o qual foi denominado Tributo à Mãe "Selva" e realizado pelo SESC Multiartes de Santarém;

Em abril de 2015, ocorreu o lançamento da Muiraquimbó Orquestra, grupo de música instrumental amazônica que é dirigido por Junior Castro e Edmarcio Paixão;

No mês de abril de 2015, fez parte da banda base do III FEMUT - Festival de Música do Tapajós, onde também atuou como diretor musical do evento;

Em junho de 2015, participou da 7ª edição do show Canta Santarém;

Ainda em 2015, teve a oportunidade de participar do II TAPAJAZZ – Festival de Música Instrumental do Tapajós, evento no qual tocou saxofone com a os grupos Trio Manari (Belém) e Muiraquimbó Orquestra (Santarém);

Também em 2015, integrou a banda base do XII FEMOB - Festival de Música Obidense, onde tocou saxofone, flauta transversal e gaita cromática;

No início de 2016, fez parte da banda base do show "Do Tapajós à Guajará" que ocorreu no Theatro da Paz de Belém;

No mês de maio de 2016, fez parte da banda base do IV FEMUT - Festival de Música do Tapajós, tocando saxofones e flauta transversal.

Trabalhos no cenário musical nacional:

Integrante da banda base do Quinteto Instrumental do Pelc-Santarém, levando músicas regionais amazônicas ao Congresso de Esporte e Lazer no ano de 2009 em Brasília;

No mês de janeiro de 2013 participou da gravação do disco intitulado “Da Lapa ao Mascote”, com o violonista Sebastião Tapajós, e após a gravação do cd integrou os três shows de lançamento do mesmo. O disco foi lançado nas cidades de Santarém, Belém e Rio de Janeiro;

No mês de junho de 2013 o Grupo Tapajós Instrumental, do qual fez parte como instrumentista de sopro, participou do XXVI Festival Internacional de Música do Pará. O repertório apresentado incluía músicas regionais paraenses e autorais do grupo;

Em 2016, Junior Castro foi convidado para ser um dos palestrantes do SIMSAX - Simpósio Internacional de Saxofone. A palestra é intitulada "Saxofone - Uma Extensão da Mente Sonora".

Notícias e artigos

Dentista? Só vou quando preciso

Dá pra tocar assim? Talvez sim, talvez não. O fato é que a doença periodontal pode levar a lesões como estas e pode levar também a perda dental. Em...
Leia mais

Calendário de eventos

Contate-nos

Entre em contato conosco por meio do formulário abaixo. Sua mensagem será respondida assim que for lida.